// Página Inicial / Coluna de Opinião /
 
 
 
     
 
 






 
 
Comentário ao Natal

É Natal


Para uns será de festa, de troca de lembranças, de reunião familiar cheia de amor, paz e calor humano.


Para outros… O frio da rua.


A falta de família e amor.


Estamos em crise não há dinheiro para nada.


Bancos alimentares dão comida aos mais carenciados. Fazem-se campanhas de recolha de bens alimentares.


É sempre aos mesmos que os zelosos voluntários recorrem. Àqueles que também vêm o rendimento familiar reduzido, porque os outros, os que mandam, os que governam, não vão aos supermercados,


Mandam!


As autarquias oferecem almoços ou jantares a famílias carenciadas, para que tenham uma refeição digna do nome. Não é um gesto de amor pelo próximo, anónimo, chamam os meios televisivos para toda a gente ficar a saber.


É Natal


Devia ser época de calor humano, de Paz, mas as famílias portuguesas ou aquelas que escolheram este País para viver, cada vem estão mais endividadas e mesmo com vergonha, vão aos almoços ou jantares e cada vez é maior o número de pessoas a estender a mão a quem passa, que também não tem para lhe dar…. É, para muitos e muitos, um triste Natal.


Geraldo de Jesus


*AlgarveNoticias.com: Tavira, Vila Real de Santo António, Castro Marim, Alcoutim, São Brás de Alportel, Olhão, Faro, Loulé, Albufeira, Silves, Lagoa, Portimão, Lagos, Monchique, Vila do Bispo e Aljezur.


Data: 22 de Dezembro de 2010

Noticia publicada neste site em Sociedade no dia 22 de Dezembro de 2010
Ler Comentários Deste Artigo Imprimir Recomendar
   
 
     
Dezembro
D S T Q Q S S
  01 02 03 04 05 06
07 08 09 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31  
  2014
Pesquisa
Data Início
Data Fim
Procurar:
Secção
 
 
 
 
 
 
 
      Rádio Horizonte Algarve - © Todos os direitos reservados