N Engenheiros
“Jazz no Verão” em Tavira

Em Tavira, o “Jazz no Verão” decorre, pela primeira vez, no Jardim do Coreto. De 18 a 20 de julho, pelas 22h00, é possível assistir, gratuitamente, aos espetáculos de Maria Anadon (dia 18), Elas e o Jazz com Joana Machado, Marta Hugon e Mariana Norton (dia 19) e Bernardo Moreira Sexteto com “Entre Paredes” (dia 20).

 

Vidreira Louletano

Infiltração Zero

Em Tavira, o “Jazz no Verão” decorre, pela primeira vez, no Jardim do Coreto. De 18 a 20 de julho, pelas 22h00, é possível assistir, gratuitamente, aos espetáculos de Maria Anadon (dia 18), Elas e o Jazz com Joana Machado, Marta Hugon e Mariana Norton (dia 19) e Bernardo Moreira Sexteto com “Entre Paredes” (dia 20).

Maria Anadon inicia, este ciclo, no dia 18, com o trabalho These Foolish Things. O seu percurso começou, em 2003, juntamente, com Victor Zamora (piano). Como em qualquer projeto, e após a sua maturidade, houve a necessidade de alargar o conceito, integrando Nelson Cascais (contrabaixo), Joel Silva (bateria) e Gonçalo Sousa (harmónica).

No dia 19 é a vez de Joana Machado, Marta Hugon e Mariana Norton com o projeto “Elas e o Jazz”. Três cantoras, amigas e cúmplices, juntas, em palco, para partilhar o amor pelo jazz e pelas canções que fizeram a sua história. Cruzaram-se na escola do Hot Clube de Portugal, primeiro como alunas e depois como professoras. Desenvolveram projetos distintos e sólidos.

Um dia revisitaram os seus standards preferidos e as suas possibilidades infinitas e surgiu a vontade de voltar a casa com compositores como Cole Porter, Irving Berlin, George Gershwin, Richard Rogers, Jerome Kern ou Harold Arlen. Acompanhadas por João Pedro Coelho (piano), Romeu Tristão (contrabaixo) e André Sousa Machado (bateria), Elas recriam o universo contemporâneo dos musicais da Broadway e dos clubes de jazz de Nova Iorque, num espetáculo que, mais do que uma visita aos clássicos, é uma narrativa musical contada a três vozes.

A finalizar, no dia 20 de julho, Bernardo Moreira Sexteto com “Entre Paredes” a música de Carlos Paredes. Para Bernardo Moreira “falar de Carlos Paredes é (…) muito mais do que falar de um músico genial, é falar de alguém que teve um impacto enorme” no seu percurso enquanto músico.

 

Ademar Dias

ÚLTIMAS

Há: 6 horas

Há: 1 hora

Há: 7 horas

 

Localização

Rua dos Pelames - Terminal Rodoviário, 1º Andar 8800 Tavira, Portugal

 

 

 

 

 

Contactos

Telefone: +351 281 380 240

Emails:

Geral: horizontealgarve@gmail.com

Secretaria: horizontesecretaria@gmail.com

Redação: horizontenoticias@gmail.com

 
Zircon - This is a contributing Drupal Theme
Design by WeebPal.